Orquídea Negra: A Beleza Exótica da Maxillaria Schunkeana

Suzana Machado

Orquídea negra

Uma das espécies de orquídeas mais bonitas e cobiçadas que existem entre as orquidáceas, é a orquídea negra. Ela é uma das espécies mais raras e cobiçadas pelos amantes de orquídeas, pois possui uma coloração escura e intensa, que se destaca entre as demais.

Anúncios

Neste artigo, vamos conhecer um pouco mais sobre essa orquídea fascinante, sua origem, características e dicas para o cultivo. Acompanhe e saiba como ter essa joia em seu jardim!
Imagem: elisir.orchidee

origem

A orquídea negra é uma espécie epífita, ou seja, que cresce sobre as árvores, aproveitando a umidade e os nutrientes do ar. Ela é originária da Mata Atlântica do Espírito Santo, onde foi descoberta em 1993 pelo botânico Guido Pabst.

Anúncios

A orquídea negra pertence ao gênero Maxillaria, que possui mais de 600 espécies distribuídas pela América tropical e subtropical. Uma das características desse gênero é o aroma agradável de suas flores, que pode lembrar coco queimado, baunilha ou chocolate.

Características da Orquídea negra

A orquídea negra tem flores grandes, que podem medir de 5 a 12 cm de diâmetro, com pétalas e sépalas de cor marrom escuro, quase preto. O labelo é mais claro, com tons de vinho e roxo. As flores são perfumadas e duram cerca de 15 dias.

orquidea negra 1 Orquídea Negra: A Beleza Exótica da Maxillaria Schunkeana
Imagem: Orquidário Binot (@orquidariobinot) – Cultivo de orquídea negra em vaso de plástico

A planta tem um porte pequeno, com folhas verdes e lisas, que formam touceiras compactas. O período de floração é entre os meses de janeiro e fevereiro, mas pode variar conforme as condições climáticas.

Anúncios

Como cultivar a orquídea negra?

A orquídea negra é uma planta exótica e diferente, que pode trazer um toque de elegância e sofisticação ao seu jardim. É uma planta de fácil cultivo, desde que se respeitem suas necessidades básicas.

Exposição a luz

orquidea negra 2 Orquídea Negra: A Beleza Exótica da Maxillaria Schunkeana
Imagem: diegorrrangel

A orquídea negra precisa de luz indireta, pois não tolera o sol direto. O ideal é mantê-la em um local com sombra parcial ou total, como sob uma árvore ou uma tela de sombreamento.

Anúncios

Rega

É importante regar a planta regularmente, mas sem excesso, para evitar a podridão das raízes. Uma forma de manter a umidade é borrifar água nas folhas diariamente ou colocar um prato com pedras e água sob o vaso.

Substrato e adubação

A orquídea negra prefere um substrato bem drenado e arejado, que permita o desenvolvimento das raízes. Uma boa opção é usar uma mistura de casca de pinus, carvão vegetal e fibra de coco.

Anúncios

Quanto a adubação, recomenda-se usar um adubo específico para orquídeas, seguindo as instruções do fabricante. Uma dica é adubar a planta a cada 15 dias durante o período vegetativo e a cada mês durante o período de repouso.

Veja também