Bambu-da-sorte: características +3 dicas para cuidar do “amuleto da sorte”.

Suzana Machado

Bambu da sorte

Nativa da África, o bambu-da-sorte se tornou uma verdadeira estrela nos países orientais, principalmente aos adeptos ao Feng Shui, onde virou uma planta símbolo de boas energias, podendo até mesmo purificar os ambientes.

Anúncios

Fernando Pereira, especialista em jardinagem do canal Somos verdes, cita que na verdade, o bambu-da-sorte não é realmente um bambu e sim uma espécie de dracena (Dracaena sanderiana). O nome para a planta se deu devido a sua aparência longa e fina, que se assemelha muito a dos bambus, se diferenciando por ter um caule mais carnudo.
Imagem: villagardenpaisagismo

Significado do bambu-da-sorte

Segundo o Feng Shui, o bambu-da-sorte é um símbolo de riqueza, prosperidade, força e fartura. Aliás, como seu crescimento tende a ser para cima e não se quebra nem com ventos fortes, ele ainda é visto como um símbolo de resistência.

Anúncios

Acredita-se ainda, que a planta traz para o ambiente onde está sendo cultivada energias positivas, podendo até mesmo purificar o ambiente.

Número de hastes

Por outro lado, segundo o Feng Shui, dependendo do número total de hastes que o bambu-da-sorte tenha, que ele possa trazer diferentes significados à planta.
Uma haste: boa sorte;
Duas hastes: harmonia, felicidade e equilíbrio para os relacionamentos;
Três hastes: riqueza e longevidade;
Cinco hastes: entusiasmo, criatividade e equilíbrio;
Seis hastes: riqueza;
Sete hastes: saúde;
Oito hastes: riqueza, fartura, prosperidade e sorte nos negócios;
Nove hastes: sorte em todas as áreas;
Dez hastes: realização e perfeição;
21 hastes: bênçãos e prosperidade para a saúde.

Como cultivar o bambu-da-sorte?

Assim como as Zamioculcas, o bambu-da-sorte também ganhou muito destaque pelos amantes da jardinagem interna, principalmente para quem mora em apartamentos, já que podem se desenvolver muito bem em ambientes internos, precisando apenas de cuidados básicos.

1- Exposição à luz

A exposição à luz necessária para o bambu-da-sorte se desenvolver, além de ser um ponto de atenção, também pode ser considerado como uma vantagem para quem decide cuidar da planta dentro de casa.

Bambu-da-sorte

Imagem: Enfeitedecora – Vaso com bambu da sorte

Sendo assim, como a planta não gosta de receber a luz direta do sol, você deve cuidar para sempre mantê-la mais à sombra (recebendo a luz indireta, próximo a uma janela, por exemplo), evitando os raios solares por muito tempo que podem acabar queimando e amarelando as suas folhas.

Anúncios

2- Solo

Bambu-da-sorte

Imagem: Solo ideal para o desenvolvimento

Ao optar pelo cultivo do bambu-da-sorte em um vaso com terra, o ideal é fazer o uso de um solo rico que tenha uma boa drenagem. Nesse caso, você pode fazer o uso de uma terra preparada própria para a planta, misturada a argila e areia.

Anúncios

3- Frequência das regas

Quanto as suas regas, você deve fazer sempre que observar que o solo está úmido, mas cuidando para apenas umedecer a terra, sem deixar suas raízes encharcadas o tempo todo.

Como cultivar o bambu-da-sorte na água?

Caso opte pelo cultivo hidropônico, você pode usar um vaso de vidro e cobrir pelo menos alguns cm da planta com água, além de não esquecer de fazer a trocar regular da água utilizada no cultivo. Para evitar o crescimento de microrganismos, pode adicionar um pedaço de carvão.

Veja também

11 comentários em “Bambu-da-sorte: características +3 dicas para cuidar do “amuleto da sorte”.”

  1. Tentei várias vezes ter a planta ZAMIOCULCAS e não vai pra frente , boa drenagem, água uma vez na semana. ( SEM SUCESSO)
    Fico muito agradecida se me ajudar, como ter ela, compro linda e pouco tempo ela morre cai tudo????

    Responder

Deixe um comentário