Orquídea Sapatinho: curiosidades e 4 dicas para cuidar da flor.

Escrito por:
Orquídea Sapatinho: curiosidades e 4 dicas para cuidar da flor.

Originárias das regiões Sudeste da Ásia, a orquídea sapatinho é uma espécie que se desenvolveu muito bem nas plantações da Europa e América. Por esse motivo, esse gênero de orquídea ganhou as graças do adoradores por jardinagem e arranjos florais do Brasil e hoje ocupa um lugar muito especial na decoração de jardins e ambientes.

Curioso, que não é apenas uma espécie de orquídea que pode levar essa nome de sapatinho. Algumas do gênero Paphiopedilum e outras do gênero Phragmipedium, são alguns exemplos de espécies que podem ser denominadas por orquídea sapatinho, sapatinho de princesa ou sapatinho de vênus.

Como cuidar da orquídea sapatinho?

Divididas em dois grupos de temperatura, que variam entre cultivares quentes e frios, a orquídea sapatinho possui seu desenvolvimento ligado aos climas e condições das regiões onde são cultivadas.

Orquídea sapatinho
Imagem: hortocolibriguapi – Orquídea do gênero sapatinho

Portando, as orquideas do gênero sapatinho demandam de alguns cuidados para serem cultivadas em jardins ou cuidadas em vasos decorativos dentro de casa.

1- Escolha do substrato

Por existirem diversos gêneros que podem ser conhecidos como orquídea sapatinho, há uma variedade de substratos para serem usados no seu cultivo. Para sapatinhos do tipo terrestre, por exemplo, que podem ser cuidados em um vaso dentro ou fora de casa, o recomendado é fazer uma mistura de terra com perlita sintética ou com musgo.

orquídea sapatinho
Imagem: flores_na_rua – Espécie de sapatinho

Já para espécies litófitas, o ideal é usar uma mistura de pedras lisas, rochas e perlitas sintéticas ao fazer seu plantio.

2- Adubo a ser utilizado

Assim como a maioria das espécies de orquídeas, a adubação do solo para orquídea sapatinho deve seguir alguns cuidados, já que seu desenvolvimento é sensível a ação do adubo usado. Portanto, é importante não exagerar nos fertilizantes inseridos no solo, já que pode acabar levando ao ressecamento de suas raízes.

Orquídea sapatinho
Imagem: Enfeitedecora

Como recomendação, pode ser adicionado ao solo um adubo rico em hidrogênio, devendo ser aplicado semanalmente ao vaso onde está a sapatinho.

Porém, deve ser diminuída a frequência de aplicação do adubo ao iniciar o clima mais frio do inverno.

3- Frequência das regas

Quanto as regas da sapatinho, ela deve ser feita de forma regular, já que ela não possui possui pseudobulbos para guardar água. Dessa forma, é importante que a água regada consiga alcançar suas raízes.

Como recomendação, a rega deve ser feita uma vez por semana com uma quantidade média de água, devendo manter apenas suas raízes molhadas, mas sem exagerar para que não fiquem encharcadas.

4- Cuidados com a iluminação

Assim como outras espécies orquídeas, a iluminação ideal para o cultivo da orquídea sapatinho deve ser em ambientes sombreados. Se houver uma exposição exagerada ao sol, ele pode acabar queimando a planta.

Tempo para floração da orquídea sapatinho

orquídea sapatinho
Imagem: Enfeitedecora

Costumando durar até dois meses, a floração da sapatinho só acontece uma vez no ano e depende das condições climáticas da região. No Brasil, por exemplo, sua floração acontece principalmente no início do inverno.

Veja Também

Deixe um Comentário

1 × três =